quinta-feira, junho 14, 2007

Ora aí está uma grande notícia:

parece que os ex-dirigentes dos Khmers Vermelhos (aqueles que sobraram, depois destes anos todos) vão, finalmente, começar a ser julgados pelo genocídio que (com o pretexto de fazer a "revolução") cometeram contra o seu próprio povo.

Estou muito curioso para ver quem irá agora defender (defender politicamente, não em tribunal) esta gente.
Acredito que - por ignorância, estupidez ou filhadaputice - haverá quem esteja disposto a fazê-lo.

Talvez os mesmos que dizem que os crimes do(s) fascismo(s) nunca existiram e não passam de uma "invenção" dos comunistas.
Ou talvez (no extremo oposto) os que confundem crises existenciais com atitude revolucionária.

Mas eu estou a gastar o meu latim com isto porquê?... Se até já escrevi um poema sobre o assunto!
Chama-se A "revolução" explicada aos pequeninos e inclui, em rodapé, um interessantíssimo debate político e ainda uma "letra" dos Dead Kennedys, intitulada Holiday in Cambodia, da qual os meninos "revolucionários" gostam muito e cujo verdadeiro significado talvez venham agora a entender, se seguirem com atenção o (previsto; vamos ver se é desta) julgamento dos Khmers Vermelhos.

Ler mais sobre este assunto, neste artigo, de um blog chamado La Nouvelle Ligue.
E também aqui (mas cuidado, aqui é a BBC!)


Vitorino

3 comentários:

Leo disse...

Vitorino passa pelo meu blogue
bjcas
Leo

Debaixo do Bulcão disse...

Olá, Leo!
Já passei pelo teu blog. Eis o que encontrei por lá, e que trsnscrevo:

«Olá a todos, irá realizar-se em Almada uma feira de artesanato no dia 23 de Junho juntamente com as festa populares de S. João.
Estamos à procura de expositores com peças originais e únicas (artesanato, design, reutilização de materiais, doçaria, produtos biológicos....).
Quem estiver interessado deve enviar até dia 18, fotos do trabalho que faz e contacto para o email

nadia@nadiavieira.com.

O espaço é limitado, os expositores ficam sujeitos a selecção. Passem a mensagem!
E é gratuito!»

Mensagem transmitida!

Debaixo do Bulcão disse...

Sobre este artigo do julgamento dos khmers, duas notas:

1 - O processo já é muito antigo. Tenho razões para duvidar que desta vez vá mesmo em frente. Mas seria, penso eu, interessante e até mesmo pedagógico.

2 - No artigo da Wikipédia sobre a "história do Camboja" (primeiro link do texto), a parte que se refere aos khmers está altamente tendenciosa e anti-comunista (o autor aproveita uma suposta análise de factos históricos para tirar conclusões abusivas).
Espero que alguém o corrija para, pelo menos, o tornar mais objectivo. Mas entretanto, fica mesmo esse link. (É o que dá não ter um computador próprio, onde possa trabalhar com mais calma...).