sexta-feira, fevereiro 27, 2009

BLOGUE SUSPENSO POR TEMPO INDETERMINADO

Motivos de força maior e alheios à minha vontade obrigam-me a suspender as actualizações deste blogue, por tempo indeterminado.

A primeira razão é fácil de explicar: dificuldades de acesso à internet. Desde que comecei este blogue, recorri sempre a computadores emprestados (eu não tenho computador...). E agora, durante algum tempo, não terei possibilidade de aceder à rede nesses mesmos computadores.

A outra razão prende-se com dificuldades e entraves vários que têm sido colocados ao meu trabalho.

Esta é mais difícil de explicar.

Mas posso dizer resumidamente que tem a ver com o procedimento continuado, recorrente, de uma certa pessoa que, em 2008 me fez abandonar o trabalho que estava a desempenhar no jornal Notícias da Zona (e que podem consultar aqui), alegando que eu não estava a trabalhar e - melhor "alegação" ainda... - que eu não sou jornalista e, aliás, que nunca o fui! E essa pessoa é a mesma que, em 2001 (para só dar mais um exemplo) me desorganizou de tal modo a vida ao ponto de me obrigar a pôr fim à colaboração que desenvolvia então com o Sem Mais Jornal e com o Jornal da Região (trabalho que não recebera, até então, qualquer reparo - pelo contrário: só elogios).

Não vou dar mais pormenores - para não vos maçar e para não expor a referida pessoa e as asneiras que ela fez (e foram muitas, muitas mais)!

Não sei se tal pessoa, ao impedir-me de trabalhar alegando que eu não trabalho ou que nunca fui jornalista (não sou? não fui? na dúvida, vejam também aqui), dá mostras de desligamento da realidade (o que, obviamente, é sintoma de anomalia psíquica grave) ou se, simplesmente, procede de forma dolosa com o objectivo de me prejudicar (por razões que, sinceramente, não enxergo) .

Seja qual for o caso - e porque não posso admitir que a minha reputação e credibilidade (certificadas por quem comigo trabalhou, e trabalha, ou por publicações como a que podem consultar aqui) continue a ser manchada por difamações - estarei disponível para, sempre que for necessário, esclarecer a verdade dos factos e demonstrar a veracidade do que afirmo, com recurso a documentos idóneos, alguns deles publicados e outros eventualmente mais confidenciais.

Portanto, de qualquer forma, o caso será esclarecido e quem está envolvido nele será, a seu tempo, devidamente responsabilizado.

Vocês sabem que eu nunca falo só da boca para fora: quando afirmo algo, é porque tenho certeza suficiente do que digo e, sempre que possível, gosto de suportar as minhas afirmações em provas tangíveis.

E é isso mesmo que farei. Nos locais adequados.

Entretanto, peço desculpa pelo incómodo que esta minha ausência da blogosfera poderá acarretar. Não tanto aqui, mas nos blogues Almada Cultural e Almada Cultural (por extenso) os quais, pelos motivos acima expostos, também deixarão de ser convenientemente actualizados.

Até um dia destes.

António Vitorino

4 comentários:

Madalena Barranco disse...

Querido amigo de além mar, António, sinto muitíssimo... Você fará falta na blogosfera, onde se tornou querido e respeitado não apenas pelo seu trabalho de jornalismo e denúncia, mas também devido ao seu empenho em divulgar a literatura lusófona.

Obrigada, amigo!! Volte logo e conte comigo. Beijos, Madalena.

Paulo Sempre disse...

Espero que tudo fique resolvido em tempo útil.

Abraço
Paulo
PORTUGAL

PreDatado disse...

Veja se resolve esse assunto e volte, porque a sua presença na blogosfera é importante.
Um abraço almadense,
Alves Fernandes (aka PreDatado)

Debaixo do Bulcão disse...

Madalena Barranco, Paulo Sempre, PréDatado (e todos os que me têm apoiado): obrigado pela amizade (e pelos comentários).

Não tenho a mínima intenção de desistir deste blogue (nem de qualquer outro) e espero, aliás, retomar as postagens já durante a próxima semana, porque quero partilhar convosco algum material de interesse histórico (das décadas de 80 e 90) que tenho comigo.

Mas isso é o mais fácil: é agarrar no que já está feito, e publicá-lo.

O resto, logo se verá.

A.V.